segunda-feira, 28 de abril de 2008

Sectária, folclórica e contra-producente

ilustração
Nem me apetece falar da manifestação anti-autoritária desta sexta.

4 comentários:

miguel disse...

e eu que até gostava de saber.. especialmente por não ter sido comunicada ao Gov.Civil, estava a imaginar o espectáculo do ano passado

Tárique disse...

OK miguel, então aqui vai um copy paste de um email que enviei a descrever a manif:

Mais do que uma manifestação, aquilo parecia um quadrado romano, com faixas enormes de cada um dos lados e os manifestantes protegidos lá dentro sem mostrarem as caras.
Valeu o pessoal do gaia (uma dúzia deles), a animar um bocadinho aquilo com tambores. Fora eles, e ao contrário do ano passado, não se captou nenhuma simpatia dos transeuntes, que seria de esperar , sendo pessoal que estava por ali a celebrar o 25 de abril, fosse simpático à causa. Pelo contrário, provocou-se até alguma hostilidade com aquela atitude de "estamos aqui mas não olhem para nós, olhem para as faixas".
Ouvi um transeunte a perguntar se era uma manifestação da extrema direita, anti-25 de abril, vê lá.


O governo civil , apesar de "não ter sido informado" devia ter mais informação que eu, já que mandou as mesmas brigadas de dezenas de agentes "à civil" e "à civil mas com coletes fluorescentes da polícia por cima" que costumam acompanhar as claques. metidos no meio, nos lados, à frente e atrás dos manifestantes. 20 metros atrás iam uma dezena de SIRs.
Aquilo parecia mais uma parada da polícia do que uma manifestação.

Os polícias de colete tinham todos boas câmaras cannon e devem ter tirado centenas de fotografias.

Manifestantes, seriam uns 50, no máximo. Polícias, outros 50. (com mais uns quantos em carrinhas).

Tudo o que eu temia, e que escrevi num post anterior, aconteceu.

Algumas coisas curiosas:

para não serem acusados de levar armas, os manifestantes levavam postes de cana para as bandeiras (em vez dos habituais paus de vassora)

andavam polícias à paisana a provocar, a gritar "viva a psp" por exemplo, lá por dentro

logo ao início, houve uma pequena "cena de pancadaria" ... entre skaters e outros skaters ... nada que ver com a manif ... a polícia nem foi lá separar

3 ou 4 adeptos do belenenses estavam lá no início. suponho que se tenham ido embora quando viram o sectarismo da manifestação.

a malta da massa crítica chegou mais ou menos ao mesmo tempo ao terreiro. mas não se misturaram.

miguel disse...

>O governo civil , apesar de "não ter sido informado" devia ter mais informação que eu

obviamente. só queria dizer era que a polícia ia pegar por aí para legitimar a pancadaria, se houvesse.

> já que mandou as mesmas brigadas de dezenas de agentes "à civil" e "à civil mas com coletes fluorescentes da polícia por cima"

ai os moços dos óculos escuros...

um bocado offtopic, mas isso faz-me lembrar que a investigação oficial sobre as provocações dos agentes à paisana na manif de Génova de 2001 tinha sido concluida há pouco tempo, e ainda nao fui ver isso

FeminineMystique disse...

tb lá estive. n foi animador o panorama, não. miguel, o espectáculo do ano passado deixou de ser hipótese a partir do momento em que lá estavam a SIC e a TVI, pelo menos na Praça da Figueira.